Prefeitura Municipal de Salvador
0
0
0
s2sdefault

Mais facilidade para chegar e sair dos circuitos oficiais do carnaval marcou o segundo dia de folia na capital baiana. A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) registrou aumento de 74% na fluidez no trânsito nas principais vias do entorno da festa se comparado com o segundo dia do carnaval de 2023.

As velocidades médias de todos os trechos monitorados aumentaram quando comparadas com o mesmo período do ano passado. Por exemplo, na Av. Centenário, principal acesso de chegada e saída do Circuito Dodô (Barra-Ondina), a velocidade média aumentou cerca de 45%, passando de 16,27 km/h, em 2023, para 23,41 km/h, este ano.

“Monitoramos o trânsito a todo momento para que possamos ter respostas mais rápidas e efetivas. As retenções pontuais registradas nas análises foram resolvidas prontamente. No segundo dia de festa, o tráfego na região do Dique operou livre, a Centenário fluiu relativamente bem, o acesso ao Centro não teve problemas e em Ondina a dispersão foi tranquila”, explica Decio Martins, superintendente de trânsito de Salvador.

Menos autuações – A autarquia municipal computou maior fluidez e mais respeito às regras. Na segunda noite de festa, o registro de notificações diminuiu aproximadamente 65% se comparado com o ano passado. Este ano, foram registradas 1.402 autuações por infrações às normas de trânsito, contra 3.987 no segundo dia de festa de 2023.

Nas blitze da Operação Respeite a Vida, os agentes fizeram 176 abordagens de condutores. Desse total, 20 precisaram ser notificados porque tinham ingerido bebida alcoólica antes de dirigir. Ainda durante a operação, cinco veículos precisaram ser removidos.

Cerca de 9 mil condutores optaram por ir à folia com veículos próprios e deixaram os automóveis numa vaga de zona azul regulamentada pela Transalvador.

Equipes de Educação para o Trânsito fizeram abordagens e testes de alcoolemia em 854 motoristas profissionais, taxistas, condutores de veículos por app, motoristas de ônibus e a serviço da Prefeitura de Salvador.

Também no segundo dia de festa, a Transalvador registrou 10 acidentes, sendo 9 com vítimas, nenhuma fatal.

0
0
0
s2sdefault
-->